Chegou o #VMware #vSphere 5!


Chegou! A mais nova versão da melhor suite de virtualização do mercado acaba se sair do forno! E várias das características que já havíamos antecipado estão lá, incluindo as "super máquinas virtuais" e Storage DRS. Aproveite pra lembrar porque o hypervisor da VMware, o ESXi, é o melhor (ah, se eu fosse pago toda vez que elogio a VMware...).

O vSphere 5 traz uma série de novidades, e destaco alguns trechos do anúncio da VMware:
O que há de novo no vSphere 5

Hypervisor ESXi de última geração, que fornece desempenho e dimensionamento líderes do setor, estabelecendo um novo marco de eficiência de gerenciamento, confiabilidade e segurança.
"Super máquinas virtuais" com máquinas quatro vezes mais potentes para dimensionar e lidar com os aplicativos que mais consomem recursos; as máquinas virtuais agora podem ser dimensionadas para até 32 vCPUs e 1 TB de RAM.

Alta disponibilidade e recuperação de desastres simplificadas e mais abrangentes.

Gerenciamento inteligente de políticas dos recursos do data center para automatizar previamente o processo manual (p. ex.: implantação e aplicação de patches de hosts vSphere, distribuição dinâmica, balanceamento e perfis orientados por contratos de nível de serviço para armazenamento).

Gerenciamento flexível de nuvem híbrida a partir de um painel transparente único.

Suporte mais amplo do setor de provedores de software e hardware, incluindo mais de 1.400 parceiros ISVs (Independent Software Provider, fornecedor de software independente), que oferecem suporte à execução de mais de 2.500 aplicativos no vSphere.

O que há de novo no vShield 5

O vShield App with Data Security apresenta detecção dinâmica e classificação de informações comerciais confidenciais, reduzindo o risco de vazamento e roubo de dados. Mais de 80 templates são fornecidos para validar a conformidade com regulamentações do mundo todo, simplificando a identificação e a notificação de dados confidenciais.

Zonas de confiança adaptáveis com firewall de camada 2 para proteção contra detecção de senha, ataques por acesso não autorizado/envenenamento do DHCP (Dynamic Hot Configuration Protocol), falsificação do ARP (Address Resolution Protocol, protocolo de resolução de endereços) e muito mais.

Endereçamento IP flexível, incluindo a capacidade de usar o mesmo endereço IP em várias zonas de locação, para simplificação do provisionamento.

Firewall com suporte a aplicativos para aprimoramento da segurança, que abre sessões (portas) somente quando necessário para aplicativos comuns, como bancos de dados Oracle, Microsoft Exchange e Microsoft RPC (Remoter Procedure Call).

RBAC (controle de acesso baseado em função) para uma separação clara do fluxo de trabalho para a infraestrutura virtual e os administradores de segurança. O RBAC fornece flexibilidade ao delegar a administração entre pools de recursos e grupos de segurança, aumentando a segurança de aplicativos e dados.

vShield Bundle, que inclui o vShield Edge, vShield App com Data Security e vShield Endpoint em um único pacote de fácil organização.

O que há de novo no vCloud Director 1.5

Provisionamento rápido usando a tecnologia VMware Linked Clone, que agiliza significativamente o tempo de provisionamento e reduz os custos de armazenamento.
Suporte ao SQL Server e integração do Cisco Nexus 1000v para maior facilidade de integração com ambientes existentes.

Extensões personalizadas e uma API expandida do vCloud para integração do vCloud Director com os sistemas corporativos existentes (p. ex. CMDB, IPAM).

Integração com a VPN do vShield Edge para ativar a rede segura entre organizações isoladas por várias nuvens.

Internacionalizado para aceitação de caracteres estrangeiros e instalação em sistemas operacionais em seis idiomas.

O que há de novo no Site Recovery Manager 5

vSphere Replication: a primeira replicação baseada em hypervisor do setor fornece replicação econômica para implantações do Site Recovery Manager. O vSphere Replication está incluído em todas as edições do Site Recovery Manager sem custo adicional, e permite o uso de armazenamento heterogêneo entre os sites. O vSphere Replication simplifica a replicação, gerenciando-a diretamente por meio do vCenter Server em um nível de máquina virtual mais granular e flexível.

Migração planejada: execute migrações de rotina com recuperação consistente de aplicativos e sem perda de dados.

Failback automático: o Site Recovery Manager gerencia automaticamente a reversão da replicação e o failback para o site de produção original, a fim de simplificar as migrações de rotina.

Sequência de inicialização de máquina virtual mais flexível: o vCenter Site Recovery Manager agora oferece suporte a uma sequência de inicialização de máquina virtual muito mais flexível com mais níveis de prioridade e dependências de máquina virtual.



GOSTOU DESSE ARTIGO ?
Quer saber mais sobre Virtualização e VMware? Clique aqui.

Christian Guerreiro

Professor por vocação, blogueiro e servidor público por opção, amante da tecnologia e viciado em informação.


Ensino a distância em Tecnologia da Informação: Virtualização com VMware, Big Data com Hadoop, Certificação ITIL 2011 Foundations e muito mais.


Suporte o Tecnologia que Interessa!

Você acha que as informações compartilhadas aqui são úteis?
Então me ajude a produzir ainda mais e melhores conteúdos!


É muito fácil. Basta divulgar nossos treinamentos pra alguém que conheça!


E se for de Salvador, podemos estruturar um curso presencial para sua empresa!

Eu vou ficar muito grato (e quem fizer os curso também :)!