Exemplos de alertas do Google pra todos os gostos

Já falei aqui sobre os alertas do Google e sua utilidade. Mas acho que este é um recurso tão útil, que valia a pena tentar listar exemplos e tentar montar um catálogo, inclusive contanto com a colaboração de vocês, pois tenho certeza que muitos usam este recurso das maneiras mais criativas, por isso peço que deixem aqui seu comentário explicando pra quê usa o recurso, se possível informando o texto usado na pesquisa do alerta e as opções escolhidas.

Vamos à minha lista. Eu tenho tantos alertas que nem consigo dar conta, por isso uso alguns recursos pra priorizar mensagens no GMail, deixando algumas mensagens pra depois. O pior é que o depois às vezes vira nunca :) Vou listar alguns alertas que servem de base pra ter uma idéia do que é possível fazer e como fazer, pois os demais são apenas variações destes aqui.

  • Monitorar a reputação: tenho um alerta diário que me informa sempre que meu nome é mencionado na web, em formas variadas: "Christian Guerreiro" OR "Christian Santos"... e outras combinações de nome e sobrenome. Acho que este alerta não está funcionando muito bem, pois, como servidor público, sei que meu nome aparece de vez em quando no diário oficial ou outra publicação do governo, mas ele não me avisa. Talvez os sites do governo estadual não sejam bem indexados pelo Google. Sei lá.
  • Lançamento de álbuns de artistas: como sou fanático por (quase) todo tipo de música, tenho um alerta semanal que me avisa quando um artista lança um novo álbum. O texto é  "lança novo disco" OR "lança novo álbum" OR "lança novo cd" OR "lança novo dvd".
  • Show em Salvador: monitoro, com o texto "show em Salvador", pra ver se tem algum artista interessante fazendo show por aqui.
  • Negociações de jogadores do seu time: monitoro o mercado de jogadores no Esporte Clube Vitória usando o texto "Vitória contrata" OR "Vitória dispensa" OR "Vitória empresta" OR "Vitória acerta" OR "Vitória faz proposta" OR -"Vitória de Guimarães" -"Vitória de Setúbal". Note como é importante identificar se o texto que está pesquisando não pode ser interpretado em outro contexto. Existem vários clubes Vitória mundo afora, e coincidentemente vários em Portugal, o que aumenta a chance de, usando a palavra Vitória, virem resultados indesejados. Assim, tive que identificar os casos de erro e excluir da pesquisa. Antes que alguém pergunte porque não usei o texto "Esporte Clube Vitória", é porque na maioria das vezes os sites não usam o nome completo do clube ao noticiar.
  • Notícias sobre o governo: com o alerta (governo Dilma) OR (governo FHC) OR (governo Lula) monitoro, há bastante tempo, notícias dos mais diversos sites sobre nossos principais governantes nos últimos anos. Acho esta abordagem melhor que simplesmente confiar num único veículo, pois o alerta do Google não faz distinção, quando selecionamos "Todos os resultados", se a notícia é de um blog pouco conhecido ou de um jornal conceituado. Apareceu o termo ele te avisa.
  • Notícias do seu site preferido: um alerta com a busca "site:blog.tecnologiaqueinteressa.com" vai te informar sempre que o Google indexar um novo texto do blog, e isto significa que você não vai perder nenhum post! Caso esteja interessado em algum assunto específico, você ainda pode incluir uma palavra chave no final, como "Ubuntu" ou "Google", para ser informado somente de textos contendo aquela palavra. Pensando nisso, vou inclusive criar alguns alertas pro lifehacker.com, que é um site que há muito tempo recomendo aqui, mas que tem tanta informação, que talvez seja melhor ter alguns alertas com termos específicos ao invés de acompanhar o RSS completo.
  • Preço de imóveis: que tal acompanhar o preço de imóveis na região onde mora ? É fácil! Basta criar um alerta com "bairro vendo R$". Funciona! Mas não é perfeito. Volta e meia vem algum lixo. E aqui vai mais uma dica legal: como o alerta destaca os termos usados na busca, no e-mail que você recebe já virá o preço destacado. Ou seja, na maioria dos casos não vai ser necessário nem clicar! Isso significa que você também pode usar os alertas do Google como "resumo das principais notícias sobre determinado assunto", e simplesmente ler os trechos de notícias que vêm na mensagem de resultados do alerta, sem precisar clicar e abrir cada notícia em cada site. Mas para isso é necessário escolher bem os termos usados no alerta, pra que seja destacado o que realmente interessa.
  • Informações detalhadas sobre um tópico: este exemplo levei um bom tempo até conseguir fazer funcionar, e mostra como é necessário conhecer o tópico que deseja ser notificado através do alerta. Com o texto itil -job AND management AND (strategy OR demand OR portfolio OR "service level" OR availability OR capacity OR security OR supplier OR change OR Configuration OR release OR validation OR testing OR deployment OR incident OR problem OR request) consigo obter informações de qualidade sobre gerenciamento de diversos processos do ITIL. Se inglês é um problema pra você, recomendo traduzir os termos da busca, e garanto que os resultados serão também muito bons.

Além dos exemplos, é importante entender mais profundamente o funcionamento dos alertas pra obter melhores resultados. Vejamos alguns pontos que merecem mais atenção.

Diferença entre busca "manual" no Google e alerta

Acho que a grande vantagem de usar os alertas está no resultado diferente que se obtém em relação a uma pesquisa convencional no buscador. Considere que você vai pesquisar sobre uma personalidade, digamos Shakira.

Se você digitar o nome dela no Google, virão os resultados mais "relevantes" de acordo com o algoritmo do buscador, ou seja, os primeiros resultados serão a página oficial dela, a página dela na wikipedia, notícias sobre ela em veículos reconhecidos mundialmente, e assim por diante. Normal.

Agora, se você configura um alerta semanal, por exemplo, o resultado é bem diferente. Na verdade o primeiro alerta enviado será equivalente a uma busca convencional. Mas daí em diante, tudo muda, pois os resultados anteriores não entram mais na verificação do alerta. Ou seja, na primeira semana você vai receber uma mensagem com os sites mais importantes da Shakira. Mas nas semanas seguintes, você saberá sempre que "qualquer site" mencionar a musa latina.

Coloquei "qualquer site" entre aspas porque há um detalhe: o limite de resultados exibidos na mensagem. No caso de personalidades como neste exemplo, certamente muitas notícias escaparão do alerta, por conta deste limite. Ainda assim, você terá acesso a informações que uma busca no Google não traria, por conta do que vou chamar aqui de "efeito gradativo".

É importante saber disso pra entender que se você resolve apagar e recriar seu alerta, por exemplo, o resultado disso é que a primeira mensagem que receberá será, muito provavelmente, idêntica à que recebeu quando criou o alerta pela primeira vez. Pode ser melhor, então, alterar o alerta ao invés de recriá-lo.

Alerta em vários idiomas

Esta dica é valiosíssima, e descobri recentemente. A busca do Google leva em conta o idioma, isso não é novidade pra ninguém. Porém, um alerta pode se tornar praticamente inútil se o idioma não for adequado. Especialmente se o que busca envolve termos em inglês.

Imagine que você deseja criar um alerta sobre Cloud Computing, e prefere usar o termo em inglês por achar que pode trazer mais resultados. Se sua conta do Google estiver configurada em português, ele vai localizar primeiro as notícias que contenham o termo e que sejam de sites brasileiros ou portugueses. Caso estes resultados não esgotem o limite de resultados por mensagem, só então ele pode considerar notícias que contenham o termo e que sejam de sites em inglês.

Por outro lado, se sua conta do Google estiver configurada em inglês, como no meu caso, a chance de você ter um resultado de um site brasileiro é simplesmente ZERO. Isto porque é praticamente impossível que não haja notícias suficientes, em sites em inglês, para preencher a mensagem do alerta, considerando que o termo usado na busca é razoavelmente genérico.

Eu comecei a observar este "efeito colateral" nos meus alertas depois que ajustei o idioma da conta pra obter melhores resultados nas buscas. Acho que alguns alertas não estão se comportando bem por isso.

Mas agora vem a melhor parte, o "pulo do gato". Se você abrir um navegador em modo anônimo, você pode escolher a página do Google que quer acessar, e com isso pode escolher o idioma. Ou seja, se você acessar www.google.com.br/alerts, seu alerta será criado em português, e se acessar www.google.com/alerts, em inglês. Tentei testar com o www.google.co.jp/alerts e com o www.google.fr/alerts e não consegui. De todo modo, português e inglês já são um bom começo, não concordam ?

Update: para acessar os alertas do Google no idioma desejado, basta acessar a URL "http://www.google.com.br/alerts?hl=IDIOMA&gl=IDIOMA", substituindo o termo IDIOMA pelo idioma desejado: "it" para italiano, "fr" para francês, "de" para alemão, e assim por diante. Se tiver dificuldade, pasta clicar nos links a seguir: InglêsPortuguês (Brasil)Francês, Italiano, Alemão.

Que dia o alerta vai chegar ?

Esta pergunta aparentemente boba revela, na minha opinião, a principal falha do serviço, que é a inexistência de uma opção que indique em que dia da semana (ou até do mês) o alerta deve ser enviado. Com isso, é necessário criar o alerta no dia da semana em que deseja que as mensagens sejam enviadas. E é bom não criar muitos alertas no mesmo dia, pra não ficar com uma avalanche de mensagens num dia da semana, levando a avaliar muito rapidamente os alertas ou mesmo descartá-los. Por isso, recomendo que avalie os alertas que pretende criar e distribua ao longo da semana, antes de criar. Depois, vá criando de acordo com o dia em que pretende recebê-los.

Agora só falta a contribuição de vocês! Que alertas vocês usam, e pra quê ?

Curta nossa página no facebook!

Christian Guerreiro

Professor por vocação, blogueiro e servidor público por opção, amante da tecnologia e viciado em informação.


Ensino a distância em Tecnologia da Informação: Virtualização com VMware, Big Data com Hadoop, Certificação ITIL 2011 Foundations e muito mais.


Suporte o Tecnologia que Interessa!

Você acha que as informações compartilhadas aqui são úteis?
Então me ajude a produzir ainda mais e melhores conteúdos!


É muito fácil. Basta divulgar nossos treinamentos pra alguém que conheça!


E se for de Salvador, podemos estruturar um curso presencial para sua empresa!

Eu vou ficar muito grato (e quem fizer os curso também :)!