Como extrair o máximo da versão gratuita do ESXi (sem gastar nada!)

Resultado de imagem para site:blog.tecnologiaqueinteressa.com vmware

Desde que a VMware liberou uma versão gratuita do seu Hypervisor, como resposta à chegada da concorrência da Microsoft no mercado de virtualização, uma infinidade de soluções igualmente gratuitas surgiu, e vamos relacionar algumas delas aqui.

Acontece que a VMware sempre quis usar o ESXi como 'isca' pra atrair usuários que, posteriormente, seriam 'convertidos' em clientes em razão das limitações da versão gratuita.

Esta estratégia não funcionou muito bem (IMHO), principalmente pelo aumento da concorrência (não apenas da Microsoft) com a oferta de alternativas mais acessíveis a bolsos modestos, e embora a VMware esteja se dedicando ao mercado SMB recentemente, não me parece suficiente para garantir o cada vez mais ameaçado domínio do mercado.

A chegada do vSphere 6 tem tudo pra ser um divisor de águas em termos de tecnologia, mas não necessariamente representa um grande atrativo pra quem não está disposto a gastar por uma tecnologia que virou commodity.

Fato é que, nas versões mais recentes da sua suite de virtualização, a VMware resolveu pegar pesado com os usuários da versão gratuita. Segundo fontes que levantei, não é mais possível usar o vSphere Client para editar configurações das VMs com versão 10 ou superior do hardware virtual.

Não sei se a medida foi intencional, e até li que o vSphere Client disponível na versão 6 talvez resolva esta questão, mas o fato é que a VMware está forçando cada vez mais o uso do cliente web, e os efeitos colaterais disso podem ser graves, especialmente para os usuários do ESXi isoladamente.

Por tudo isso é que as ferramentas oferecidas gratuitamente se proliferam cada vez mais. Vamos a elas.

Gerenciador de hosts com ESXi pra Linux


O VMware ESXi Manager é uma solução não oficial que representa uma das melhores alternativas para gerenciar seus servidores ESXi, oferecendo os seguintes recursos:

  • Interface gráfica para gerenciamento de hosts ESXi;
  • Deploy de OVF a partir da web ou disco local;
  • Listar máquinas virtuais online, suspensas e offline;
  • Suporte a Resource Pools;
  • Acesso à Console;
  • Gerenciamento de Snapshots (criar, remover, reverter, etc);
  • Operações em máquinas virtuais (Stop, Shutdown, Reboot, Start, Suspend e Resume);
  • Monitoramento de máquinas virtuais (online, suspensa, offline, uso de CPU e memória, etc);
  • Remover máquinas virtuais;
  • Monitoramento de hosts ESXi (CPU, memória, versão, etc);
  • Gerenciamento de usuário (criação, atribuição de papéis, definição de senha);
  • Próximas versões
    • Editor de máquinas virtuais (alterar CPU e memória, etc);
    • Browse datastores;
    • Upload de arquivos.

Usando o Converter pra fazer 'migrações' de VMs 'a quente'

O VMware Converter é uma das ferramentas mais úteis e importantes da VMware, e é gratuito.

O que muita gente não sabe é que ele pode ser usado para além da tarefa óbvia de virtualizar servidores físicos (o famoso P2V - Physical to Virtual).

Dada sua versatilidade, a ferramenta pode ser usada para converter versão de hardware de máquinas e assim manter compatibilidade com versões anteriores do ESXi, ou ainda para importar e exportar máquinas virtuais entre hosts ESXi e até entre para soluções de virtualização.

Agora o mais legal mesmo é o 'truque' de usar a migração 'a quente' (com a máquina virtual ligada) para fazer um backup da máquina virtual sem interrupção, embora isso não seja suportado ou endossado pela VMware, e represente um risco de corrupção da máquina. Na prática, porém, já fiz muitas migrações assim e funcionaram perfeitamente. Por que um backup não funcionaria ? De todo modo, faça por sua conta e risco!

Gerenciando hosts ESXi com o VMware Workstation


Outra alternativa para gerenciar hosts com ESXi é usar o VMware Workstation, que embora não seja gratuito, é muito mais barato que a suite vSphere, e traz a possibilidade de conectar a hosts ESXi e realizar inúmeras tarefas de gerenciamento do ambiente virtual.

Gerenciando ferramentas gratuitas de backup e monitoramento com o MKSBackup


O MKSBackup é uma ferramenta desenvolvida para ser um front-end para o GhettoVCB e outros softwares de backup e monitoramento comumente usados por usuários da versão gratuita do ESXi.

A ferramenta integra com o backup nativo do Windows (ntbackup ou wbadmin), e ainda com o esxmon e até o famoso comando tar do Linux.

Outras ferramentas

O Vladan Seget relacionou uma lista extensa de ferramentas gratuitas para VMware, incluindo soluções para monitoramento, backup, automação de tarefas, integração com provedores na nuvem e muito, muito mais.

O Kendrick Coleman fez um levantamento ainda mais extenso que inclui até soluções de empresas adquiridas pela VMware e ferramentas desenvolvidas pelo laboratório da VMware, os chamados FLINGs.

Conclusão

Quem me acompanha aqui no blog sabe que sou fanboy da VMware, admiro o pioneirismo e inovação da empresa, e penso que é uma daquelas empresas que vale a pena acompanhar de perto.

Mas o mercado pune (parafraseando Muricy Ramalho :), e a empresa vem sofrendo com a concorrência e tenta, através da inovação, se manter no topo pelos próximos anos.

Há quem duvide que a empresa se mantenha firme. Eu prefiro esperar pra ver...

Não é à toa que tantas ferramentas alternativas foram desenvolvidas em torno da suite de virtualização mais usada no mundo, e não é porque a empresa não tem grana pra investir na versão paga do VMware vSphere que você vai ficar sem recursos importantes como gerenciamento e monitoramento.

E aí, você utiliza alguma das soluções que indiquei aqui ? Fala aí!

Christian Guerreiro

Professor por vocação, blogueiro e servidor público por opção, amante da tecnologia e viciado em informação.


Ensino a distância em Tecnologia da Informação: Virtualização com VMware, Big Data com Hadoop, Certificação ITIL 2011 Foundations e muito mais.


Suporte o Tecnologia que Interessa!

Você acha que as informações compartilhadas aqui são úteis?
Então me ajude a produzir ainda mais e melhores conteúdos!


É muito fácil. Basta divulgar nossos treinamentos pra alguém que conheça!


E se for de Salvador, podemos estruturar um curso presencial para sua empresa!

Eu vou ficar muito grato (e quem fizer os curso também :)!