Amazon

/Amazon

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 10 (Arquitetura Lambda/Serverless)

Serverless Computing Serverless Computing é uma arquitetura tecnológica que permite abstrair as questões físicas ao desenhar e implementar aplicações, de forma que não é necessário se preocupar "tanto" com questões como a quantidade de memória, cpu e armazenamento necessários. Para saber mais a respeito, vale a pena consultar este ótimo guia. Vamos descrever, na parte final deste tutorial sobre a Amazon Web Services, um serviço que oferece a possibilidade de adotar esta nova arquitetura para o desenvolvimento dos seus projetos. Este serviço se chama Lambda. AWS Lambda 📒 Página Inicial ∙ Guia de Desenvolvimento ∙ FAQ ∙ Preços Lambda é [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 9 (Big Data com EMR)

Amazon EMR É óbvio que, dentre a infinidade de serviços que a Amazon oferece através da sua plataforma de computação em nuvem, haveria algum serviço voltado para análise de grandes volumes de dados. Sim. Este serviço existe. E atende pelo nome de Elastic Map Reduce (EMR). A rigor, hoje o serviço se estende para muito além do map-reduce, oferecendo implantação gerenciada de Hadoop, HBase e Spark e reduzindo o ônus de gerenciamento de configurar e manter esses serviços você mesmo. Links úteis Página Inicial ∙ Guia de versões ∙ FAQ ∙ Preços Alternativas ao EMR e Lock-in A maioria dos [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 8 (IPs Elásticos)

IPs Elásticos 📒 Documentação ∙ FAQ ∙ Preços Os IP Elásticos são endereços IP estáticos que você pode alugar da AWS para atribuir a instâncias EC2. Dicas de IPs Elásticos Prefira balanceadores de carga para IPs Elásticos: para implementações de instância única, você poderia simplesmente atribuir IP elástico a uma instância, dar a esse IP um nome DNS e considerar sua implantação. Na maioria das vezes, você deve fornecer uma balanceador de carga: É fácil adicionar e remover instâncias de balanceadores de carga. Também é mais rápido adicionar ou remover instâncias de um balanceador de carga do que reatribuir um [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 7 (Auto Escala)

Auto Escala Os recursos de Auto Escala da Amazon são os responsáveis pela "mágica da elasticidade", talvez a maior vantagem ao migrar serviços para a nuvem. Com a elasticidade, é possível aumentar (e diminuir!) automática e dinamicamente, com base em diversos critérios, o tamanho da infraestrutura que deve estar disponível para os usuários do seu serviço. Todo mundo conhece alguma história de um site/serviço que caiu porque não aguentou a demanda num momento de pico. Com recursos de Auto Escala, é possível se preparar e evitar este tipo de incidente altamente danoso para a imagem da empresa. Sabe o que [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 6 (Gerenciando Servidores e Aplicações)

Gerenciando Servidores e Aplicações Filosofia Os princípios do aplicativo Twelve-Factor da Heroku listam algumas práticas recomendadas gerais para a implantação de aplicativos na nuvem. Recomendo a leitura, mesmo para sysadmins, afinal são tempos de DevOps! :) Animais de estimação vs gado: trate os servidores como gado, como não animais de estimação. Ou seja, desenhe seus sistemas para que os componentes de infraestrutura sejam descartáveis (lembre isso aos devs, sysadmin!). Deve ser minimamente preocupante se um servidor for destruído inesperadamente. O conceito de infraestrutura imutável é uma extensão dessa ideia. Minimize o estado da aplicação nas instâncias EC2. Em geral, as [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 5 (EC2)

Elastic Compute Cloud (EC2) EC2 é o serviço da AWS que fornece instâncias de processamento computacional, ou seja, as famosas, conhecidas e tradicionais máquinas virtuais (VMs para os íntimos). Este serviço permite utilizar uma série de recursos e, a partir das características das instâncias que deseja ter acesso, é possível otimizar os custos e desempenho do ambiente na nuvem. Eu tenho uma instância EC2 na Amazon que utilizo para hospedar vários sites com desempenho altamente satisfatório. Inclusive é importante que você atende para outros serviços que podem ser agregados à sua instância para otimizar o desempenho dela. Eu instalei o [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 4 (Quando Usar AWS)

Quando usar a AWS AWS é o fornecedor dominante da computação em nuvem pública. Em geral, “computação em nuvem” pode se referir a um dos três tipos de nuvem: "pública", "privada" e "híbrida". O AWS é um provedor de nuvem pública, pois qualquer um pode usá-lo. Nuvens privadas estão dentro de uma única organização (geralmente grande). Muitas empresas usam um híbrido de nuvens privadas e públicas. Os principais recursos do AWS são infrastructure-as-a-service (IaaS) — isto é, máquinas virtuais e infra-estrutura de suporte. Outros modelos de serviços em nuvem incluem platform-as-a-service (PaaS), que são serviços totalmente gerenciados que implementam aplicativos [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 3 (EBS e RDS – MySQL e MariaDB)

Dando continuidade à nossa série sobre os serviços da Amazon, dessa vez vamos falar sobre armazenamento de dados de bloco e em banco de dados (MySQL e MariaDB). EBS EBS (Elastic Block Store) fornece armazenamento em nível de bloco. Ou seja, oferece volumes de armazenamento que podem ser anexados como sistemas de arquivos, como unidades de rede tradicionais. Os volumes EBS só podem ser anexados a uma instância EC2 por vez. Em contraste, o EFS pode ser compartilhado, mas tem um preço muito maior ( veja uma comparação aqui). Dicas de EBS RAID: Use RAID drives para aumentar o desempenho. [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 2 (S3)

Continuando nossa série de posts sobre Amazon Web Services, hoje temos informações sobre o S3. Se você não estava acompanhando a série, recomendo começar do início. Amazon S3 (Simple Storage Service) é o serviço padrão de armazenamento em nuvem da AWS, oferecendo armazenamento de arquivos de números arbitrários de arquivos de quase todos os tamanhos, de 0 a 5 TB (antes de 2011 O tamanho máximo era de 5 GB; tamanhos maiores agora são bem suportados via multipart support). Itens ou objetos são colocados em recipientes nomeados armazenados com nomes normalmente chamados de chaves. O conteúdo principal é o valor. [...]

Amazon Web Services: Tudo que Você Deve Saber – Parte 1

Todo mundo sabe que a Amazon é a líder no mercado de computação em nuvem, e com bastante folga. Enquanto a empresa de Jeff Bezos detém 47% do mercado, a Microsoft fica com 10% e a Google com "míseros" 3,95% (fonte). Portanto, conhecer melhor o funcionamento dos serviços de cloud da Big A de Seattle é importante pra qualquer profissional de TI que pretenda ter uma carreira na área de infraestrutura, você há de concordar comigo. Sendo assim, sem mais blá-blá-blá, vamos ao que realmente importa. Eu fiz uma análise do excelente "The Open Guide To Amazon Web Services", e [...]