Pesquisadores do Massachussets Institute of Tecnology desenvolveram uma “máquina de ver”, que utiliza um equipamento médico com um laser altamente sofisticado para permitir que pessoas com certos tipos de deficiência visual possam tirar (e ver!) fotos com o aparelho. O mais interessante é que o aparelho, exceto pelo laser, é feito com peças “comuns” em diversos outros equipamentos, o que faz com que o custo, que está em cerca de U$ 4.000, possa chegar a cerca de U$ 500, de acordo com os pesquisadores. Bacana, não ? Via Inovação Tecnológica.